Oficina dos AIMAS de Barcelos discutem sobre impactos de incêndios e enchentes.

Foto: Ana Amélia – Jornalista (ISA)

Os Agentes Indígenas de Manejo Ambiental (Aimas) que atuam no município de Barcelos (AM) participaram nesta ultima semana de encontro para troca de conhecimentos e planejamento das próximas etapas da pesquisa. A II Oficina dos AIMAS de Barcelos aconteceu de 29 de agosto a 2 de setembro, na Comunidade São Roque, no rio Caurés, na bacia do Rio Negro, e é realizada em conjunto pela FOIRN, Associação Indígena de Barcelos (ASIBA) e ISA.

Foto: Ana Amélia – Jornalista (ISA)

Entre os principais temas que foram discutidos estão o manejo do fogo, os impactos das enchentes e a recuperação das paisagens e recursos. Durante o encontro houve visita a áreas atingidas por esses fenômenos.

A região vem sentindo o impacto de eventos extremos climáticos, o que causa prejuízo às roças, colocando em risco a segurança alimentar dos indígenas da região.

Foto: Ana Amélia – Jornalista (ISA)

Em 2016, durante a seca, extensas áreas de igapós foram atingidas por incêndios. No ano seguinte, segundo o relato dos AIMAS, as roças foram atacadas por pragas. Em 2021, a população sofreu o impacto da cheia recorde do Rio Negro. E, este ano, o nível da água ultrapassou os índices do período anterior.

Texto e Imagem: Ana Amélia – Jornalista (ISA)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: